O círculo e suas funções.

Na proposta de unir as duas casinhas numa única fachada propus esse círculo no centro, como elo.

Os muros que dividiam foram quebrados e foi criado um estacionamento único.

Bom, quem conhece um pouco do meu trabalho sabe que o círculo é um elemento que está sempre presente para trazer mais harmonia, movimento, unidade e intencionar mais equilíbrio com as estruturas quadradas, com suas funções de estabilidade e segurança.

O círculo tem o potencial de vibrar e assim como os chakras do corpo criar um vórtice energético expandido sua função de maneira pulsante.

E você como sente o círculo, as mandalas?

Na contemplação …

Quanta poesia cabe na simplicidade de uma mesa arrumada para uma refeição?

Quando o cenário é na natureza, um arranjo de flor sobre a mesa já dá um toque especial.
Aqui o charme ficou por conta da flor hortênsia ser do mesmo tom da pátina da mesa e do detalhe do prato, destacado por um jogo americano de trama de barbante rústico… no restante existem outros efeitos sensoriais como o som da música de fundo, neste caso o canto dos pássaros e da água da fonte, o aroma da comida preparado com amor, aqui pela chef Rosana Arantes , a refrescância da bebida e uma boa conversa!

A contemplação e os estados de presença dos sentidos podem ser a fonte de manifestação de mais leveza e curas.

Que tal experimentar?

Lua Nova em Escorpião – Conexão física e energética com os ambientes.

Domingo, entramos em uma nova lunação no signo de escorpião e vai reverberar pelos próximos 28 dias com muita força, por isso, vamos conversar como esse aspecto astrológico pode influenciar nosso espaço físico? Seja nossa casa, nosso escritório, ou os ambientes que passamos muito tempo e podemos ter idenficicações.

Primeiramente, escorpião tem como pilares a profundidade e intensidade, ao mesmo tempo que o desejo e a magnitude.

Seria importante refletirmos, quais são os lugares que nos trazem uma conexão forte, às vezes, dentro de casa temos um ambiente que usamos mais, e um ambiente que preferimos. Aqui, é pensar naquele ambiente que sentimos conexão, não necessariamente precisa ser um ambiente zen e todo calmo, pois podemos sentir essa presença e sensação de pertencimento com o mundo externo e interno quando estamos na nossa sacada vendo as luzes da cidade, ou quando estamos tomando aquele banho pós uma dia forte de trabalho, ou talvez quem sabe seja picando cebola na bancada da cozinha, ou até aquele lugarzinho que conseguimos ter um break do trabalho e paramos pra tomar um cafezinho, ou ler um capítulo do livro do momento. Seja qual for esse ambiente, é importante entender que o que ele remete é o flow, a totalidade com nossos sentidos e o momento de introspecção.

Essa lunação pede para que observemos esse espaço, valorizemos essa possibilidade e se caso for difícil encontrar um local principal para poder ter essa conexão diariamente, ou rotineiramente, que possa ser um ambiente que seja uma referência de quando nos sentimos bem de estarmos com a gente mesmo.

Pode ser que uma vez por mês você vá num parque, num café, numa livraria, pro meio do mato, pescar, mergulhar no mar, é o local/momento de estar em contato com nossa maior companhia, nós mesmos.

A lua nova traz também a possibilidade de intencionarmos e atrairmos tudo que for do nosso direito, não apenas da matéria que é finita, mas de tudo que nos faça sentir realização e potencia, portanto, que encontremos dentro de nós essa faceta que nos faz evoluir e que possamos identificar ambientes que nos traga esses momentos e sensações.

Acenda seu incenso, sua vela, coloque seu aroma preferido, tome um belo banho e vá até o seu lugar, aquele que você se sinta pertencente e tire um lindo momento de conexão com esse entorno e com você.

Feliz lunação escorpiana!

Vamos fazer mais jardim?

Deixar fluir é a lição das águas em busca da sua meta ou da sua origem.

E essa lição de vida também pode ser aplicada na implantação de um imóvel, num projeto novo ou onde a construção já está implantada.

Fazendo um projeto de reforma foi exigido pela Prefeitura de São Paulo, 15% do terreno de área permeável, para que as águas das chuvas possam fluir em busca do lençol freático, evitando enchentes tão comuns nas grandes cidades, por conta de porcentagens altas de pavimentações.

Bom, o convite é…vamos fazer mais jardim?

Além de tudo isso, fica muito mais bonito e ainda atrai passarinhos e borboletas!

O que você esta reverberando ?

Fotografei esse nicho porque hoje ele chamou minha atenção…sobre o taichi e sua importancia na minha vida e sobre esse livro: Entrega ao Deus Interior, de Eva Pierrakos e Donavan Thesenga, e seus ensinamentos … profundo, desafiador e que promove o autoconhecimento, apontando a parte que nos cabe como indivíduo (micro), nos efeitos gerados no macro.

Abri nesse trecho hoje:

“Se, para achar os seus defeitos, vocês fazem metade do esforço que comumente despendem achando os defeitos dos outros, vocês verão a ligação com a lei de causa e efeito e só isso os libertará, mostrando a vocês mesmos que não existe injustiça. Só isso lhe será a prova de que não é Deus, nem o destino, tão pouco uma ordem injusta no mundo em que vocês têm de sofrer as consequências das limitações das outras pessoas, mas a ignorância, o medo, o orgulho e o egoísmo de vocês que direta ou indiretamente causarão aquilo que pareceu, até aqui, entrar no caminho de vocês sem que vocês nada fizessem para tanto.
Descubram esse elo oculto e verão a verdade. Então compreenderão que vocês não são vítimas das circunstâncias nem da imperfeição dos outros, mas são realmente os que criam a própria vida.
As emoções são forças criativas de grande efeito, porque o inconsciente de vocês afeta o de outra pessoa. Essa verdade talvez seja a mais importante para a descoberta de como vocês provocam os acontecimentos, quer bons, quer maus, favoráveis ou desfavoráveis da vida.”

Arquiteta e Designer de Interiores

Como separar a função de arquiteto do designer de interiores?

É função do arquiteto projetar um espaço ou reformar mas pelo olhar integral, que quer ver a casa funcionando como um corpo sadio, bonito e harmonioso, de fora pra dentro e de dentro pra fora, ganhamos a função também de designer de interiores, extraindo todos os recursos que o espaço oferece, através do design, na melhor forma de compatibilizar o externo com interno.

Utilizar a luz natural por exemplo, através da melhor projeção da janela e das aberturas e em paralelo utilizar da luz artificial, a melhor projeção da função de iluminar e de criar efeitos.

Criar efeitos?

De luz mas também de cor, de jardim, de um ângulo, de uma forma, de um layout, de acabamentos, de vestimenta através da decoração, de um símbolo e suas intenções, da proporção de um móvel, de um objeto …de possibilitar que a vida pulse através do bem, do belo e do melhor que podemos oferecer através do nosso conhecimento.

E aí esse texto surgiu porque hoje é o dia do Designer de Interiores e como Arquiteta também me sinto homenageada nesse dia.

Contagiando de bençãos!

Símbolos emanam energia e são capazes de contagiar um espaço…um bairro… uma cidade…um país…

Um exemplo disso é a intervenção artística e urbanística do Mena , um presente que São Paulo ganhou, com a expansão das cores do arco-íris, das borboletas e a flor da vida, o padrão atômico perfeito, a geometria sagrada pulsando agora na cidade.

E domingo passado, chegando em Sampa, pude constatar pessoalmente …adorei!

Que possa vibrar todas as virtudes divinas através desse arco íris, que as borboletas sejam portadoras de transformações desse novo padrão!

Porque tudo que queremos ver transformado no macro, começa com essas atitudes no micro!

Que tal dar vida nova?

Ele pode ser apenas uma passagem, um corredor de serviço ou podemos dar vida a ele, criando áreas permeáveis de jardim num desenho sinuoso …

…podemos fazer um peitoril mais largo na janela da cozinha para horta em vasinhos …

…criar um pergolado onde possa subir uma primavera com flores cor de rosa para descansar numa rede sob ela…

…criar um muro verde pra ter mais privacidade do vizinho …

e quem sabe a possibilidade de se refrescar numa banheira ao ar livre sob a cobertura de telhado existente, podendo fazer toda diferença nesse calor!

Bom, por enquanto estamos em projeto, mas não resisti, quis mostrar por aqui!

Na harmonia, na beleza…me comunico!

Essa forte tendência da comunicação online está gerando um item importante no programa de necessidades dos meus clientes.

Nesse projeto do quarto da Helô fez parte do briefing uma estante interessante atrás da bancada, onde ela com seu notebook muitas vezes está conectada com amigos ou em curso, com sua câmera aberta.

Nada melhor do que ter um visual atrás da sua imagem pessoal que passe harmonia, organização e beleza.

Menos é mais!

Quem são os protagonistas da cena?

Numa estante, caso existam muitas peças expostas, corre-se o risco, de mesmo sendo super interessantes, não serem vistas por conta da poluição visual.

Aqui a história não é quantidade e sim qualidade de design e intenção.

Neste caso falamos do ser ” Penso, logo existo do Espaço Oriente e dessa árvore que eu amo do designer Leonardo Bueno com a intenção de qualificar o canto da família, que pela filosofia do Feng Shui é representado pelo elemento madeira.